Duas toneladas de fogo por minuto assinalarão entrada de 2013 na Madeira

Duas toneladas de fogo por minuto assinalarão entrada de 2013 na Madeira

 

LUSA/AOnline   Nacional   30 de Dez de 2012, 12:21

Mais de duas toneladas de fogo, 4.848 disparos e 77.304 euros por minuto assinalarão simbolicamente a entrada de um novo ano no calendário gregoriano - 2013 - na Região Autónoma da Madeira.

O espetáculo de fogo de artificio é composto por 35 postos de lançamento distribuídos pelo anfiteatro da baia da cidade do Funchal quatro dos quais a partir do mar e durará oito minutos.

"Já montamos mais de 70 por cento dos postos de lançamento e as coisas estão a correr bem", disse, à Agência Lusa, Marco Costa, responsável pela Pirofel.

"O espetáculo terá algumas surpresas já que de ano para ano aparecem novos efeitos na indústria de pirotecnia", adiantou.

Marco Costa referiu ainda que, em função do tema deste ano "A Festa Madeirense", o espetáculo será constituído "por coreografias pirotécnicas com cores muito vivas".

O espetáculo é constituído por 19 toneladas de fogo, 38.784 disparos, oito minutos de duração, 425 homens e terá um custo de 618.435 euros.

O fogo-de-artifício deste ano é da responsabilidade do consórcio Pirofel (de Arco de Canavezes) e da HC e Filhos (de Leiria).

Segundo a Secretaria Regional do Turismo, Transportes e Cultura, a ocupação hoteleira rondará os 78 por cento mais 12 pontos percentuais do que em 2011 que se fixou em 66 por cento.

O porto do Funchal registará a escala de oito navios de cruzeiro trazendo cerca de 24 mil pessoas entre passageiros e tripulantes.

Os navios colaborarão, com os seus apitos, num concerto idealizado pelo compositor Francisco Loreto chamado "2012 Last Sunset Symphony".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.