Duas semanas de Trump bastaram para mundo perceber que precisa de Europa forte

Duas semanas de Trump bastaram para mundo perceber que precisa de Europa forte

 

Lusa/AO Online   Nacional   3 de Fev de 2017, 07:37

O primeiro-ministro, António Costa, afirmou hoje, em La Valetta, que "bastaram duas semanas da nova presidência norte-americana" para o mundo perceber que precisa de "uma Europa forte", e disse esperar que da cimeira de Malta saia "um bom exemplo".

 

“Eu creio que para os mais céticos bastaram duas semanas da nova presidência norte-americana para se perceber a importância de termos uma Europa forte e uma Europa unida. Uma Europa capaz de se afirmar no mundo no domínio da defesa, no domínio da política comercial, na política da gestão dos fluxos migratórios, e unida internamente”, afirmou.

António Costa, que falava à saída de uma reunião dos socialistas europeus, imediatamente antes de participar numa cimeira informal de chefes de Estado e de Governo da UE que será consagrada à questão das migrações, disse esperar que a Europa possa “dar hoje ao mundo um bom exemplo de como a gestão dos fluxos migratórios pode ser feita de um modo diferente do que a politica de muros, que nada resolve e que simplesmente viola a dignidade dos seres humanos”.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.