Duas dezenas contestam violência sobre as mulheres

Carregando o video...

 

Nuno Fontes Sousa   Regional   23 de Nov de 2012, 15:34

Mais de duas dezenas de pessoas juntaram-se esta sexta-feira nas Portas da Cidade, em Ponta Delgada, para se manifestarem contra a violência sobre as mulheres.

“Sou contra a violência, é uma injustiça e já é altura de acabar, basta”, dizia Lurdes Batista, uma das manifestantes.

Já Carina Branquinho, ex-vítima de violência doméstica, decidiu marcar presença no protesto, para “representar muitas das jovens que são alvo de violência doméstica e que têm cada uma a sua história”.

Enquanto isso, Raquel Teixeira quis marcar presença e participar “neste luto que é a violência contra as mulheres e a violência doméstica”.

Judite Fernandes, membro da Marcha Mundial das Mulheres (MMM), explicou que a manifestação foi partes da campanha europeia da MMM sobre o impacto da crise na vida das mulheres.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.