PSD/Congresso

Duarte Freitas pede respeito pelo partido nos Açores

Duarte Freitas pede respeito pelo partido nos Açores

 

Lusa/AO Online   Regional   19 de Fev de 2018, 07:48

O líder do PSD/Açores criticou quem defende a união no partido, mas não foi solidário com o anterior presidente, Pedro Passos Coelho, e pediu respeito da direção nacional pela autonomia dos sociais-democratas açorianos.


No 37.º congresso do PSD, em Lisboa, o líder regional açoriano, Duarte Freitas alertou ainda Rio para o risco de fazer acordos com o PS, que tem em Carlos César “o alter ego” de António Costa.

Duarte Freitas disse que conhece bem Carlos César, ex-presidente do Governo Regional dos Açores e hoje líder parlamentar, e aconselhou Rio a “não dar a mão” a pessoas como César e António Costa.

“Não se pode dar as mãos a pessoas com aquela personalidade. Só pensam no partido e em si”, disse, afirmando que é preciso “ter o maior cuidado para não ser usado pelo PS pensando que está a ajudar-se o país”.

O líder regional garantiu o apoio da sua estrutura a Rio na disputa pelas eleições – “esperemos que ganhe” –, respeitando a estratégia que adotou, mas pediu “o mesmo respeito pelo PSD/Açores”.

O respeito que aconselhou para as distritais e estruturas regionais quando chega o momento de fazer as listas para os órgãos nacionais.

Olhando para o passado recente, Duarte Freitas recordou ainda ex-dirigentes do PSD, sem os identificar, que “fizeram críticas a Pedro Passos Coelho quando estava a tentar tirar o país da bancarrota”.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.