Disparos em centro médico da marinha dos Estados Unidos em San Diego


 

Lusa/AO online   Internacional   26 de Jan de 2016, 16:38

Pelo menos um atirador fez esta terça-feira disparos no interior de um centro médico da marinha dos Estados Unidos, em S. Diego, no estado da Califórnia, anunciaram media locais.

 

De acordo com ‘sites’ de informação e órgãos de comunicação de S. Diego, o primeiro alerta foi dado cerca das 08:00 (16:00 em Lisboa) na página da rede social Facebook do centro médico naval.

Na sua página no Facebook, a base militar indicou que havia "recebido informações sobre um homem a disparar no centro médico de Balboa", no edifício 26, e recomendou aos funcionários que "fugissem, se escondessem ou tentassem dominar o atirador".

De acordo com o canal local Fox 5, agentes da polícia federal e militar fortemente armados entraram no edifício, mas não foi ainda detetado o autor dos disparos.

O canal refere também que três escolas nas imediações do centro médico naval receberam instruções para que os alunos se mantivessem no interior.

A cidade de S. Diego, no sul do Estado da Califórnia, alberga muitas instalações militares, inclusive um porto importante para a marinha dos EUA, e o hospital militar em causa está localizado no parque de Balboa, perto do jardim zoológico local.

Nenhum visitante ou trabalhador que não tenha funções de segurança pode entrar armado nas instalações do hospital.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.