Discussão de novas leis orgânicas de PSP e GNR avança em janeiro ou fevereiro

Discussão de novas leis orgânicas de PSP e GNR avança em janeiro ou fevereiro

 

Lusa/AO Online   Nacional   10 de Dez de 2012, 06:17

O ministro da Administração Interna (MAI), Miguel Macedo, disse hoje que as novas leis orgânicas da PSP e da GNR "estão prontas" e que a sua "discussão" deve avançar em janeiro ou fevereiro.

Em declarações aos jornalistas à margem da Universidade Política da JSD/Lisboa, Macedo referiu que entre as alterações principais estão a reabilitação da Brigada de Trânsito (BT) e da Brigada Fiscal (BF) da GNR, mas também o fim de "algumas redundâncias escusadas e inúteis".

Antes, numa intervenção subordinada ao tema "Segurança Interna: Estado e autarquias", o governante tinha dito que as novas orgânicas prevêm uma gestão comum ao nível da aquisição, gestão e manutenção do parque automóvel das duas forças de segurança.

"Este conjunto de reestruturações, quer na PSP, quer na GNR, estão praticamente prontas, fizemos um compasso de espera que me pareceu adequado tendo em conta que dentro de muito pouco tempo vamos aprovar a reformulação do conceito estratégico de segurança e defesa," afirmou depois aos jornalistas.

O princípio destas alterações será "aprofundar a especialização" da PSP e da GNR sem "desvalorizar o princípio da sua competência territorial".

"O trabalho que temos vindo a fazer e que no essencial está pronto, julgo que podemos avançar no fim de janeiro, o mais tardar no princípio de fevereiro para essa discussão", concluiu.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.