Detido homem por fortes indícios de ter ateado fogo

Detido homem por fortes indícios de ter ateado fogo

 

Lusa/AO Online   Regional   29 de Dez de 2016, 14:41

A Polícia Judiciária, através do Departamento de Investigação Criminal de Ponta Delgada, identificou e deteve um homem pela presumível prática do crime de incêndio, que deflagrou em duas infraestruturas de suporte à atividade agrícola e pecuária.



Os factos verificaram-se no concelho da Ponta Delgada, na véspera de Natal, quando o detido, movido por um sentimento de vingança, ateou o fogo, através de isqueiro, em materiais facilmente inflamáveis, que encontrou em vários pontos da indicada exploração, refere a PJ em comunicado.
 
As chamas destruíram as ditas infraestruturas e o respetivo conteúdo, onde se inclui uma quantidade muito significativa de animais, que pereceram devido à ação do calor.

Existiu ainda um sério risco de propagação a estruturas contíguas, o que só foi evitado pela pronta intervenção dos bombeiros.

O detido, de 35 anos de idade,  será presente a primeiro interrogatório judicial para aplicação das medidas de coação tidas por adequadas.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.