Detetadas ondas gravitacionais 100 anos depois de Einstein as ter nomeado

Detetadas ondas gravitacionais 100 anos depois de Einstein as ter nomeado

 

Lusa/AO online   Ciência   11 de Fev de 2016, 15:50

As ondas gravitacionais, cuja existência o físico Einstein apontou há um século na sua Teoria da Relatividade, foram pela primeira vez detetadas de forma direta a 14 de setembro último.

Numa grande conferência de imprensa em Washington, os cientistas do Observatório Norte-Americano de Interferometria Laser (LIGO) puseram assim termo a meses de rumores e grande expectativa entre a comunidade científica perante uma descoberta que abre a porta à redescoberta do Universo, desta vez sem necessidade da luz.

“A nossa observação das ondas gravitacionais cumpre o ambicioso objetivo definido há cinco décadas de detetar de forma direta este fenómeno e entender melhor o Universo”, explicou a diretora executiva do laboratório LIGO.

“Além disso, completamos o legado de Einstein no centenário da sua Teoria da Relatividade Geral”, acrescentou.

O físico teórico alemão Albert Einstein (1879-1955) defendeu, na Teoria da Relatividade Geral que o celebrizou, que os objetos que se movem no Universo produzem ondulações no espaço-tempo e que estas se propagam pelo espaço. Previu, assim, a existência das ondas gravitacionais e demonstrá-la de forma direta era o último desafio em aberto da Relatividade.

Este achado abre uma nova porta na Astronomia, porque, até agora, os cientistas valeram-se de diferentes formas de luz (ondas eletromagnéticas) para observar o Universo.

As ondas foram registadas às 09:51 TMG do passado dia 14 de setembro de 2015 pelos detetores do LIGO, um dos quais localizado em Livingston (Louisiana) e outro em Hanford (Washington).

As ondas gravitacionais transformam informação sobre o movimento dos objetos no Universo, e espera-se que permitam observar a história do Cosmos até épocas remotas.



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.