DECO reforça gabinete de sobre-endividados em 2012

DECO reforça gabinete de sobre-endividados em 2012

 

Lusa/AO online   Economia   12 de Dez de 2012, 10:38

A DECO reforçou este ano o gabinete de apoio ao sobre-endividados (GAS) para conseguir responder ao maior número de sempre de pedidos de ajuda, superior a 5000, não recebendo quaisquer dinheiros públicos pela prestação deste serviço.

Desde 2009 que a Associação para a Defesa do Consumidor (DECO) prescindiu das ajudas estatais ao GAS.

“Essa ajuda era cerca de 10 por cento dos 250 mil euros que nos custa todos os anos o GAS. Já que tínhamos de fazer esse esforço, então que fosse exclusivamente da DECO. Tomámos essa decisão política!”, explicou à Lusa o diretor executivo da DECO, Filipe Fontoura.

No ano de arranque do gabinete, em 2000, o GAS abriu 152 processos de sobre-endividamento. Nove anos depois, em plena crise financeira, o número de processos subiu para 2.812 e este ano, até novembro, já ultrapassou os 5.000.

“Desde 2009 que temos reforçado os meios do GAS, deslocando pessoas de outros serviços e centralizando serviços. Criámos uma equipa vocacionada que conta já com 10 elementos na sede, entre juristas, gestores e psicólogos, e quatro administrativos que tratam de questões mais simples e fazem atendimento telefónico”, explicou Luis Fontoura, adiantando que nas seis delegações da DECO também se encaminham casos para o GAS.

Este ano O GAS começou a receber cada vez mais pedidos de ajuda de sobre-endividados com mais de 60 anos: “São normalmente fiadores de familiares, ou pessoas que até já têm penhoras ou créditos que contrataram para ajudar os filhos sobre-endividados”, explicou á Lusa a coordenadora do GAS, Natália Nunes .

O crédito à habitação consta sempre da lista de endividamento excessivo destes consumidores, mas atualmente os créditos pessoais, muitas vezes contratados para pagar outras dívidas, já implicam uma taxa de esforço financeiro maior que a do crédito à habitação.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.