Cristiano Ronaldo adianta que quer ficar mais dois anos no Real Madrid

Cristiano Ronaldo adianta que quer ficar mais dois anos no Real Madrid

 

Lusa/AO Online   Futebol   8 de Fev de 2016, 16:52

O futebolista português Cristiano Ronaldo afirmou hoje, ao receber o prémio de melhor marcador da Liga espanhola 2014/2015, que pretende ficar "mais dois anos" no Real Madrid, até ao final do seu contrato.

 

“Ainda tenho um par de anos (na liga espanhola) e o futuro, depois, logo se verá. É o contrato que tenho", afirmou Cristiano, ao ser receber o prémio de melhor marcador (batizado pela Marca por ‘Troféu Pichichi’) relativo à temporada passada.

Cristiano Ronaldo tinha sido questionado em palco pelo apresentador da gala sobre se gostaria de ir para outra liga europeia, nomeadamente a inglesa, a italiana ou a francesa. Ao longo da temporada, sobretudo quando o Real Madrid ainda era orientado pelo espanhol Rafa Benítez, a imprensa deu conta várias vezes da insatisfação do goleador português e do interesse de vários clubes, como o Paris Saint-Germain ou o Manchester United.

O jogador português preferiu valorizar a Liga espanhola, da qual se sagrou máximo goleador pela terceira vez.

“Esta Liga é muito competitiva, conta com grandes futebolistas e um poderio enorme. Por isso, é um privilégio estar aqui e deixar a minha marca, que tem sido muito boa", realçou.

Também se mostrou focado nos objetivos para esta época, na qual o Real Madrid segue em terceiro lugar, a quatro pontos do primeiro, o campeão em título FC Barcelona (que soma 54 pontos e tem menos um encontro disputado).

“Agora, o que temos de tentar é ganhar troféus e a Liga dos Campeões outra vez”, disse Cristiano Ronaldo, perante uma plateia onde se encontrava o italiano Carlo Ancelloti, seu treinador no Real Madrid na temporada passada.

Ancelloti recebeu o prémio de Melhor Treinador da época 2014/2015. Ronaldo e o técnico italiano conquistaram a Liga dos Campeões em 2013/2014, numa final em Lisboa, contra o Atlético de Madrid.

Na temporada passada, Cristiano Ronaldo apontou 48 golos (em 35 jogos na Liga espanhola), ou seja 1,37 golos por cada partida. Com este terceiro ‘Troféu Pichichi’, o português iguala o argentino Lionel Messi (FC Barcelona) em número de troféus de melhor marcador.

 

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.