Consumo bruto de energia na UE regressa em 2013 a valores de 1990


 

Lusa/AO Online   Economia   9 de Fev de 2015, 10:23

O consumo interno bruto de energia na União Europeia (UE) foi, em 2013, de 1.666 milhões de toneladas equivalentes de petróleo (Mtep), o que representa um regresso aos valores dos anos 1990 (1 667,3), segundo dados do Eurostat.

Segundo o gabinete oficial de estatísticas da UE, em 2013, a dependência externa da energia necessária para satisfazer o consumo interno era de 53,2% na UE.

Em Portugal, foram consumidas 22,6 Mtep em 2013, acima das 22,5 Mtep de 2012, invertendo a tendência em baixa da UE, de 1.666,2 para 1.685,8 Mtep.

A dependência energética em Portugal era de 73,5%, em 2013, e a principal fonte foram as renováveis (97,5%) e resíduos não renováveis (2,5%), o que representou uma produção de 5,8 Mtep.

Já na UE, a produção doméstica de energia foi a nuclear (29%), seguindo-se as renováveis (24,3%), combustíveis sólidos (19,7%), o gás (16,7%), petróleo (9,1%) e resíduos não renováveis (1,5%), num total de 789,7 Mtep.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.