Congresso do PS/A arranca hoje na Terceira


 

Lusa/Ao On line   Nacional   16 de Abr de 2010, 07:02

O PS/Açores inicia hoje, em Angra do Heroísmo, na Terceira, um congresso que deverá ser marcado por uma renovação que prepare o partido para as eleições regionais de 2012, ainda sem se saber se Carlos César será candidato.

Carlos César, que foi reeleito no início de fevereiro para a liderança do PS/Açores com 99,3 por cento dos votos, não terá oposição no congresso, que contará com cerca de três centenas de participantes.

Apesar da ausência de oposição interna, o líder socialista regional deixou claro que o congresso “não será para ver o calendário passar, nem para brincadeiras”.

“É indispensável a renovação das listas”, afirmou pouco depois de ter sido reconduzido no cargo, deixando “um sinal muito claro a todos os que pecam por inércia”.

“Os meus colaboradores que são capazes de ter sentido de inovação devem continuar, mas, quando vejo que isso não é possível, mudo-os”, frisou, de forma inequívoca, o líder socialista açoriano.

Na moção que leva ao congresso, intitulada ‘Um novo ciclo de reformas para uma região sustentável e uma autonomia segura’, Carlos César faz um apelo à mobilização dos socialistas para “a resolução dos novos desafios, num novo ciclo reformista que o PS deve liderar”.

Nesse sentido, o congresso, que será encerrado domingo por José Sócrates, surge como “uma oportunidade de reflexão séria e rigorosa” para preparar o partido para um novo ciclo.

A preparação das eleições regionais de 2012 vai, por isso, começar neste congresso, sendo já certo que o candidato socialista será conhecido no primeiro semestre de 2011.

Carlos César, 53 anos, que lidera o PS/Açores desde outubro de 1994, ainda não revelou se avança para mais um mandato no governo regional ou se abre caminho à sucessão.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.