Confederação africana rejeita apoiar Musa Bility na sua candidatura à FIFA

Confederação africana rejeita apoiar Musa Bility na sua candidatura à FIFA

 

Lusa/AO Online   Futebol   6 de Ago de 2015, 18:26

A Confederação Africana de Futebol (CAF) anunciou que não irá apoiar a candidatura do presidente da Federação Liberiana de Futebol, Musa Bility, à sucessão de Joseph Blatter no cargo de presidente da FIFA.

 

"Depois de uma reunião, marcada pela sinceridade e cordialidade, o Comité Executivo da CAF decidiu, por unanimidade, não dar ao Sr. Musa Bility o apoio que solicitou para a sua candidatura à FIFA. Desejamos boa sorte para o seu futuro”, era possível ler-se na declaração da CAF.

A CAF acrescentou também que "vai dar o tempo necessário para estudar todas as candidaturas" a fim de “preservar os interesses de todo o futebol africano”.

Na declaração ficou anunciada uma reunião do Comité Executivo da CAF nos dias 27 e 28 de outubro, um dia após o fim do prazo para se apresentarem os candidatos às eleições na FIFA.

A eleição presidencial será realizada a 26 de fevereiro do próximo ano, sendo Michel Platini, atual presidente da UEFA, o principal favorito a assumir o cargo.

O francês deverá ter ainda a concorrência do ex-futebolista brasileiro Zico e do sul-coreano Chung Mong-Joon.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.