Complemento de pensão sobe 4 por cento em Janeiro


 

Lusa/AO online   Regional   28 de Dez de 2007, 14:49

O complemento de pensão atribuído aos reformados açorianos com baixos rendimentos vai aumentar quatro por cento em Janeiro, para 41,62 euros mensais, anunciou
o Governo Regional.
      Na resolução que estabelece o aumento, o executivo açoriano adianta que a actualização do complemento de pensão acima do valor da inflação se justifica ao abrigo do objectivo de coesão social no arquipélago.

    O Governo Regional ficou, ainda, em 2,1 por cento o aumento da remuneração complementar atribuída aos funcionários regionais, que será de 53,18 euros no próximo ano.

    Aprovado há vários anos pela Assembleia Regional, o complemento de pensão para reformados e a remuneração complementar foram criados com o objectivo de compensar os seus beneficiários pelos custos acrescidos derivados da insularidade.

    O Parlamento açoriano atribui ao Governo a competência para fixar, anualmente, o valor destas duas prestações, explicou o executivo.
Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.