Coligação PSD/CDS-PP procurará entendimentos com o PS no parlamento


 

Lusa/AO online   Nacional   4 de Out de 2015, 23:27

O presidente dos sociais-democratas afirmou no domingo que a coligação PSD/CDS-PP, sem maioria absoluta, procurará entendimentos com o PS no parlamento para fazer reformas como a da Segurança Social e irá ao encontro de todas as forças europeístas.

 

Depois de anunciar que, na sequência da vitória nas legislativas, PSD e CDS-PP vão reunir os órgãos nacionais para formalizar um acordo de Governo, Pedro Passos Coelho acrescentou: "Não deixaremos de ir ao encontro daqueles que, como é o caso do PS, no novo parlamento se filiam numa opção europeia e respeitando as regras da zona euro".

Referindo que a coligação PSD/CDS-PP não conseguiu chegar "a uma maioria no parlamento" como era seu desejo, Passos Coelho considerou: "As nossas obrigações de Governo obrigam-nos a pôr de lado as bandeiras partidárias e a juntar todos os que querem construir um país melhor para o poderem fazer com o Governo. Tomarei a iniciativa, no plano parlamentar, de contactar o PS no sentido de junto do PS procurar os entendimentos que são indispensáveis, as reformas importantes e estruturantes".



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.