Cidadãos manifestam-se na Feira do Queijo de Seia


 

Lusa / AO online   Economia   13 de Fev de 2010, 16:57

A 33.ª edição da Feira do Queijo de Seia, que teve hoje início, ficou marcada pela reivindicação da construção de novas acessibilidades para a região da Serra da Estrela, recentemente suspensas pelo Governo.

Aproveitando a visita do ministro da Administração Interna, Rui Pereira, um movimento de cidadãos de Seia manifestou descontentamento pela suspensão da concessão da Serra da Estrela que vai pôr em causa a construção dos Itinerários Complementares (IC), IC6, IC7 e IC37.

Os manifestantes colocaram uma faixa no local da feira e distribuíram panfletos a apelar à alteração da decisão do Governo.

Um dos líderes do movimento, Mário Branquinho, disse à Lusa que o movimento está desde quinta feira a promover uma petição “on-line” que já recolheu “quase mil assinaturas”, e que pretende a “partir daqui transformar o movimento numa associação”.

“Vamos preparar-nos para iniciar outras formas de luta, caso o Governo não mude de posição”, afirmou aquele peticionário.

Na petição “A favor da concretização das novas estradas na Serra da Estrela”, afirma-se que, a decisão do Governo de suspender esta Concessão, “é uma machadada nas expetativas de desenvolvimento do interior do País e em especial para os que residem nesta região da Serra da Estrela”.

Os subscritores, consideram esta medida “fortemente injusta, precipitada, que vem defraudar expetativas e adiar a resposta aos problemas de acessibilidades e desenvolvimento da região”.

O ministro Rui Pereira, questionado pela Lusa, recusou comentar qualquer tema que não estivesse relacionado com a feira, referindo apenas “a importância que estas feiras têm para a promoção dos produtos regionais” e a sua “satisfação” por poder estar presente.

O certame, promovido pelo município, conta com a parceria da Associação de Artesãos da Serra da Estrela, a Associação Nacional de Criadores de Ovinos da Serra da Estrela e da Liga de Criadores e Amigos do Cão Serra da Estrela.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.