CIA procura recrutar pessoal homossexual, transexual e bissexual


 

Lusa/AO online   Internacional   29 de Nov de 2012, 08:27

A CIA vai organizar a sua primeira reunião de recrutamento de pessoal homossexual, transexual e bissexual e decidiu fazê-lo em Miami Beach, no Estado da Florida, noticia a agência Efe.

A reunião foi convocada, para quinta-feira, no Centro de Visitantes LGBT [Lésbicas, Gays, Bissexuais, Transgénero] de Miami Beach, com a pergunta “Alguma vez pensaste fazer carreira na Agência Central de Informações?”.

Durante o encontro vão ser apresentados diversos postos de trabalho nos serviços de espionagem norte-americanos.

Na reunião, cuja entrada é gratuita e oferecerá aperitivos e cocktails, vão estar presentes dirigentes de várias áreas da CIA, que está a procurar mudar de imagem e a alargar o perfil dos seus empregados.

Entre os dirigentes esperados estão confirmados o chefe do grupo de desenvolvimento industrial, Bill French, o oficial de informação técnica e responsável pelo grupo LBGT nos erviços de Recursos Humanos, Tracey Ballard, e o gestor do grupo de contacto com a comunidade LBGT, Michael Barber.

A reunião teve a colaboração da Câmara de Comércio de Gays e Lésbicas de Miami e é a primeira deste tipo organizada pela CIA, que foi acusada em 1989 de marginalizar sistematicamente este coletivo. A próxima vai ser na quinta-feira em Orlando, no centro da Florida.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.