CGTP anuncia "dia de protesto e luta" para 08 de julho

CGTP anuncia "dia de protesto e luta" para 08 de julho

 

Lusa/AO Online   Economia   9 de Jun de 2010, 06:11

A CGTP anunciou hoje um “dia de protesto e de luta” para 08 de julho, que incluirá greves e manifestações por todo o país.

“O prosseguimento das políticas injustas e a falta de alternativas impõem que a CGTP prossiga a luta e pondere todas as forma de protesto”, afirmou, em conferência de imprensa, o secretário geral da central sindical, Manuel Carvalho da Silva.

“Estamos num crescendo da luta dos trabalhadores”, acrescentou, admitindo a possibilidade de uma greve geral, mas “num tempo que seja favorável aos trabalhadores”.

A ação de protesto para dia 08 do próximo mês foi decidida em conselho nacional e deverá incluir greves setoriais e manifestações descentralizadas pelo país.

Segundo Carvalho da Silva, cabe agora às estruturas sindicais da CGTP desenvolverem todo o trabalho de mobilização dos trabalhadores, decidirem que ações vão concretizar e tentarem "a unidade na ação".

"O tempo é pouco e o trabalho é intenso para dar dimensão a esta grande jornada", disse o sindicalista, explicando aos jornalistas que o dia de protesto foi decidido na sequência do balanço da manifestação nacional de dia 29.

"Por termos conseguido uma tão grande mobilização e perante a constatação de que a ofensiva contra os trabalhadores e contra o povo português se mantém, entendemos que se impõe um crescente protesto nos locais de trabalho e na rua", disse Carvalho da Silva.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.