Cerca de 110 mil portugueses emigraram em 2015

Cerca de 110 mil portugueses emigraram em 2015

 

Lusa/Açoriano Oriental   Nacional   29 de Dez de 2016, 16:58

Cerca de 110 mil portugueses emigraram em 2015, mas ainda não é possível concluir se a emigração estagnou ou está a descer, sendo previsível que os números de saídas não diminuam para valores anteriores à crise.

 

Os dados constam no relatório da emigração em 2015, que foi hoje entregue na Assembleia da República e apresentado no Ministério dos Negócios Estrangeiros.

Rui Pena Pires, coordenador do Observatório da Emigração, entidade do ISCTE-IUL que colabora com o Governo, referiu que se registaram 110 mil entradas de portugueses nos países de destino, o mesmo número que nos dois anos anteriores.

Estes dados "apontam para uma estabilidade depois de um grande período de crescimento, na sequência da crise de 2008 e sobretudo depois de 2011, que estabiliza num patamar elevado", explicou, referindo que o Observatório dispõe de dados novos que indicam que houve "um pico um pouco maior por volta de 2013" do que aquilo que tinha sido estimado no passado e, portanto, desde então, se tenha registado "uma pequena, mas mesmo pequena descida".

"A única coisa que podemos afirmar com bastante confiança é que a emigração não cresceu. Se estabilizou ou se teve uma ligeira descida, ainda não conseguimos afirmar", acrescentou Pena Pires.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.