Cerca de 100 imigrantes invadem instalações do Eurotúnel


 

Lusa/AO online   Internacional   12 de Out de 2015, 15:33

Cerca de uma centena de imigrantes introduziram-se esta segunda-feira no túnel ferroviário do Canal da Mancha que liga a França ao Reino Unido, originando duas horas de atraso no tráfego ferroviário, informou a câmara municipal de Pas-de-Calais.

O grupo introduziu-se nas instalações da ligação ferroviária pelas 07:30 locais (06:30 em Lisboa) e o tráfego apenas regressou à normalidade às 10:00 locais, segundo fontes municipais, que não registaram qualquer ferido.

Um porta-voz do Eurotúnel, a empresa responsável pela ligação ferroviária, disse à agência noticiosa Efe que “a presença migratória” no terminal de Coquelle provocou atrasos de duas horas no tráfego de passageiros e de cerca de uma hora no transporte de mercadorias.

A polícia registou desde 26 de junho 13 mortes entre os imigrantes e refugiados concentrados em Calais, entre 3.000 e 3.500, e que tentam por diversos meios alcançar clandestinamente o Reino Unido.

O ministro do Interior francês, Bernard Cazeneuve, anunciou hoje a formação de uma equipa médica responsável pela avaliação do dispositivo sanitário no acampamento dos imigrantes e refugiados, para garantir melhor assistência ou sugerir propostas para o seu melhoramento.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.