Centro Ambiental do Priolo reabriu com conteúdos renovados

Centro Ambiental do Priolo reabriu com conteúdos renovados

 

Lusa/AO online   Regional   26 de Jul de 2016, 15:33

O Centro Ambiental do Priolo, que abriu em dezembro de 2007 para dar a conhecer aquela ave emblemática e promover a proteção do seu habitat, já recebeu cerca de 20.000 visitantes de várias nacionalidades.

 

Segundo a Sociedade Portuguesa para o Estudo das Aves (SPEA), o espaço na Reserva Florestal de Recreio da Cancela do Cinzeiro na Pedreira, Nordeste, abriu no âmbito do Projeto LIFE Priolo, para "dar a conhecer esta ave emblemática, que apenas pode ser encontrada na zona este da ilha de São Miguel (...), assim como todo o trabalho desenvolvido pela SPEA e parceiros para a sua proteção e do seu habitat: a Floresta Laurissilva dos Açores".

O Centro Ambiental do Priolo reabriu na quinta-feira com conteúdos renovados e "o novo espaço expositivo permite criar uma maior relação" com a floresta circundante e "fornecer informação museográfica sobre a história e evolução desta ave emblemática dos Açores", sobre "o trabalho desenvolvido, ao longo de mais de uma década para a sua preservação", de acordo com a SPEA, indicando que o espaço tem uma sala sensorial" para conhecer virtualmente a Floresta Laurissilva, "através dos seus sons e imagens".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.