CDS-PP quer Madeira aliada aos Açores em concurso para transporte de carga aérea

CDS-PP quer Madeira aliada aos Açores em concurso para transporte de carga aérea

 

Lusa/AO Online   Nacional   9 de Jun de 2016, 18:34

O CDS-PP/Madeira defendeu hoje que o Governo do arquipélago deve "aproveitar a oportunidade" e juntar-se ao executivo açoriano, que anunciou o lançamento de um concurso público internacional para o transporte de carga aérea.

 

“Temos aqui uma oportunidade para o Governo [da Madeira] emendar a mão daquilo que foi o desastre promocional do avião cargueiro e alinhar-se com o Governo dos Açores para um concurso internacional para o transporte de carga aérea e promover ligações, não só entre as ilhas, mas, principalmente, entre o Funchal e Lisboa”, declarou hoje aos jornalistas o líder parlamentar do CDS-PP/Madeira, Rui Barreto.

O deputado falava, em Santa Cruz, na zona do Aeroporto Internacional da Madeira, na apresentação de um Projeto de Resolução que o partido entregou no parlamento regional, no qual recomenda ao executivo madeirense que “diligencie, com a máxima brevidade, a abertura de um concurso público internacional para adjudicação da exploração dos serviços aéreos regulares, exclusivamente para o transporte de carga aérea e correio, em regime de concessão, na ligação Funchal/Lisboa, sujeitos às obrigações de serviço público”.

Rui Barreto apontou que um dos principais constrangimentos na região da Madeira são os transportes, lembrando que as recentes greves dos estivadores no porto de Lisboa implicaram uma falta de alternativas para a deslocação de mercadorias para este território insular.

O deputado madeirense sublinhou que “há muitas empresas que querem crescer, que querem colocar produtos em grandes centros de logística a partir de Lisboa e que não conseguem”, devido à ausência de uma política de transportes efetivos, à falta de apoios e à pesada carga fiscal aplicada nesta região, que, indicou é “a mais alta do país”.

Uma política de transportes aéreos eficiente e adequada às necessidades da Região é “muito importante para a indústria do pescado, para a banana, para muitas empresas ligadas à floricultura”, vincou o líder parlamentar centrista, acrescentando que há vontade de colocar produtos da ilha noutros mercados, o que pode constituir uma medida para ajudar a combater o problema do desemprego.

No projeto de resolução entregue hoje na Assembleia Legislativa da Madeira, o CDS-PP considera que há uma “estagnação da economia regional e o crescimento acelerado do desemprego, com a Madeira a liderar a lista ao nível nacional”, defendendo a necessidade de convocar “um esforço coletivo” e proceder à “aplicação de novas políticas e obrigações que sejam capazes de inverter este ciclo de crise económica e social”.

Rui Barreto apelou diversas vezes ao presidente do Governo Regional da Madeira, Miguel Albuquerque, para que aproveite esta oportunidade, aconselhando o chefe executivo a “acelerar o passo” e “não se distrair”, sugerindo que, em conjunto com o Governo dos Açores, encontre uma solução, e admitiu que possa passar por um projeto “tripartido de ligações entre ilhas, ligadas ao Continente português”.

 


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.