Presidência

Cavaco Silva vai condecorar "rei" dos Dunkin'Donuts

Cavaco Silva vai condecorar "rei" dos Dunkin'Donuts

 

Lusa/AO online   Regional   11 de Nov de 2011, 11:24

As lojas Dunkin'Donuts são ganha-pão de muitas famílias luso-descendentes no nordeste dos Estados Unidos e o empresário Carlos Andrade, “rei” do negócio, prepara-se para juntar a este título o de comendador.
“A comunidade portuguesa está a ter mil milhões de dólares [anuais] de vendas [com as lojas Dunkin´ Donuts]”, afirma o empresário, natural de São Miguel, que vai ser condecorado pelo Presidente da República, Cavaco Silva, com a Ordem do Infante Dom Henrique no próximo sábado em Washington.

“Temos o mercado mais forte em Nova Inglaterra [Massachussetts, Rhode Island, New Hampshire, Maine] e Nova Iorque. Temos as melhores lojas, com mais concentração mercado em vendas”, diz à Lusa o empresário, há 38 anos no negócio dos donuts.

Presentes em todo o país, as lojas vendem os populares donuts e outros doces, além de café e gelados.

No negócio da comida rápida, é a principal grande cadeia a servir pequenos-almoços.

Carlos Andrade, que herdou o negócio do pai e hoje já o passou em grande para os filhos, começou a incentivar familiares, amigos e alguns funcionários a entrar no “franchising” destas lojas há cerca de três décadas, quando a marca iniciou uma forte expansão.

A própria empresa ofereceu facilidades na abertura de novas lojas por “franchisados” e a comunidade aproveitou a boleia.

Hoje, afirma, as mais de 1.000 lojas de luso-americanos dão emprego a perto de 2.400 pessoas, o que dá aos luso-americanos uma “força enorme, não só dentro do mercado de Nova Inglaterra, mas também ao nível da companhia” Dunkin´ Donuts.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.