Zona Sul - CNS

Operário 'morre na praia' com derrota por 2-1 no Estádio Pina Manique com o Casa Pia

Operário 'morre na praia' com derrota por 2-1 no Estádio Pina Manique com o Casa Pia

 

Arthur Melo   Futebol   24 de Mai de 2015, 15:50

As equipas do Casa Pia e do Operário defrontam-se em Pina Manique, em partida da 14.ª e última jornada da Zona Sul da fase de subida do Campeonato Nacional Seniores

O Operário 'morreu na praia' na tentativa de subir à Segunda Liga de futebol, depois de perder com o Casa Pia em Pina Manique por 2-1, em jogo da última jornada.

Os fabris até estiveram em vantagem mas a equipa casapiana deu a volta ao marcador e garantiu um lugar no play-off, onde vai disputar a terceira vaga de acesso com o Varzim, segundo classificado na Zona Norte.

 

MINUTO 90+6 FINAL DA PARTIDA

 

MINUTO 90+4

Remate de Kenidy a rematar ao lado da baliza de João Botelho

 

MINUTO 90+2

Cartão vermelho direto a Camará e João Freitas, expulsão por indicação do assistente do árbitro Pedro Campos

 

MINUTO 89

Terceira alteração no Casa Pia: sai Pedro Dionísio e entra Barroso

 

MINUTO 83

Alteração no Casa Pia: sai Varela e entra Gonçalo Gregório

 

MINUTO 82

Grande remate de Léléco, Miguel Soares faz a defesa da tarde para canto

 

MINUTO 80

Segunda mexida no Operário: entra Helder Arruda para o lugar de Xéxé

 

MINUTO 60

Livre frontal de João Peixoto com a bola a sair por cima da baliza de Miguel Soares

 

MINUTO 60

Cartão amarelo a Coito

 

MINUTO 54

Alteração no Operário: entra Parreira e saiu Dani

 

MINUTO 52 GOLO CASA PIA Luís Cortez

Luís Cortez, com um remate trivela, a manda a bola para a baliza, João Botelho tenta desviar mas não consegue tocar o esférico que acaba por entrar na baliza fabril

 

MINUTO 49

Cartão amarelo a Weliton

Na sequência da entrada viril sobre Kenidy, o banco de suplentes do Casa Pia invandiu o campo e correu para junto do banco de suplentes do Operário

 

Mafra adianta-se no marcador e já vence o Louletano por 1-0

 

RECOMEÇA A PARTIDA

 

Em Mafra regista-se o nulo inicial ao intervalo entre Mafra e Louletano

 

MINUTO 45 INTERVALO

 

Operário com mais posse de bola em Pina Manique perante um Casa Pia que explora a velocidade de Pedro Dionísio e Luís Cortez na tentativa de criar transições que possam apoanhar em desequilíbrio defensivo os fabris

À equipa de André Branquinho falta talvez um pouco mais de velocidade na construção ofensiva

 

MINUTO 42

Miguel Soares nas alturas evita que Dani cabeceasse

 

MINUTO 40

Coito interceta passe de Dani para a área casapiana, tentando servir Camará

 

MINUTO 18 GOLO CASA PIA Pedro Dionísio

Remate forte de fora da área de Pedro Dionísio, com a bola a entrar junto ao poste direito da baliza de João Botelho

 

MINUTO 14 GOLO OPERÁRIO Queirós

Livre de Léleco para a grande área casapiana; Miguel Soares tinha tudo para 'matar' a jogada mas não segura a bola que sobra para Queirós fazer a emenda vitoriosa e colocar o Operário me vantagem

 

MINUTO 10

Remate à entrada da área de Queirós, grande defesa de Miguel Soares no relvado

 

MINUTO 6

João Peixoto falha cabeceamento

 

MINUTO 4

Cruzamento de David Rosa, Kenidy a falhar o remate na cara de João Botelho

 

INÍCIO DA PARTIDA

 

O Casa Pia alinha com Miguel Soares, David Rosa, João Freitas, Nelson Graça, Zinho, Coito, Godinho, Pedro Dionísio, Luís Cortez, Kenidy e Varela

O Operário vai jogar com João Botelho, Ângelo, Weliton, Cristiano, Xéxé, João Peixoto, Léleco, Dabi, Stehb, Queirós e Camará

 Pedro Campos, do Porto, é o árbitro da partida

 

Em disputa está o segundo lugar na Zona Sul, posição que dá acesso ao play-off onde se vai encontrar a terceira equipa que na próxima temporada ascenderá à Segunda Liga de futebol.

Casapianos e fabris partem para esta jornada empatados com 24 pontos na segunda posição, com vantagem para os continentais no confronto direto e na diferença de golos marcados e sofridos.

O empate basta à equipa de Pina Manique para garantir o segundo posto e um lugar no play-off; já para o Operário apenas a vitória interessa para ainda manter vivo o sonho de, pelo menos, continuar a discutir a subida à Segunda Liga.

Em Mafra o líder recebe o último classificado e deverá fazer a festa da subida direta no final do encontro, tendo que para tal vencer o jogo.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.