Caretos, cabeçudos e geringonças ao som de samba saem à rua para festejar Carnaval

Caretos, cabeçudos e geringonças ao som de samba saem à rua para festejar Carnaval

 

Lusa / AO online   Nacional   28 de Fev de 2017, 10:36

Caretos, cabeçudos e geringonças que se movimentam com dificuldade ao som de samba desfilam hoje à tarde para festejar o Carnaval em todo o país, num dia em que se espera chuva ou aguaceiros, principalmente a norte.

 

De acordo com o Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA), na terça-feira o céu estará geralmente muito nublado, com períodos de chuva ou aguaceiros, que serão fracos a sul do sistema montanhoso Montejunto-Estrela.

Independentemente do tempo, é esperado que milhares de portugueses saiam à rua para festejar o Carnaval, com corsos e festas organizadas em mais de 40 municípios.

Arcos de Valdevez apresenta o autoproclamado "Maior Corso de Carnaval do Norte de Portugal", a partir das 15:30, no Campo Transladário, em Ovar, o Grande Corso Carnavalesco percorre a Avenida Sá Carneiro e, em Alcobaça, a Tarde de Carnaval decorre numa tenda em frente ao Mosteiro.

Em Vila Nova de Famalicão, há desfile nas ruas de Landim, entre as 15:00 e as 18:00, e cortejo do Largos dos Reis a Valdossos, na freguesia de Fradelos, onde se realiza a Queima do Galheiro, pelas 22:00.

Os ancestrais Caretos de Podence, em Macedo de Cavaleiros, emblemáticos mascarados do Carnaval Transmontano que esperam em breve candidatar-se a Património da Humanidade, andam à solta a partir das 15:00, com desfile de marafonas e animação de rua, que termina com a queima do entrudo, pelas 18:00.

Pelo Entrudo de Lazarim, em Lamego, passeiam Caretos - máscaras de madeira feitas por artesãos locais -, e em Cabanas de Viriato (Carregal do Sal) faz-se a "Dança dos Cus", uma tradição com mais de 100 anos, onde o objetivo é ir chocando de costas com o parceiro mais próximo, com prémios para os melhores trajes.

Na Mealhada, o corso carnavalesco luso-brasileiro parte às 15:00 do Sambódromo Luís Marques, a que se segue música e grupos de pagode.

No Sabugal, o dia começa com uma matança do porco, segue-se animação de rua e largada de touros na Aldeia do Bispo e desfiles de Carnaval em Águas Belas e em Santo Estevão.

Em Linhaceira, Tomar, o corso começa às 16:00, mas às 15:00 está prevista uma "Grandiosa Porcalhada", momento em que se larga um porco num espaço enlameado até que seja capturado por voluntários.

O Corso Diurno, com carros alegóricos, grupos de mascarados e o Tó'Candar, desfila a partir das 14:30 pelo centro de Torres Vedras, com uma 'geringonça' política com dificuldades de movimentação, sob o tema "brinquedos e brincadeiras".

Em Sesimbra, desfilam as Escolas de Samba e Grupos de Axé e realizam-se as tradicionais Cavalhadas - homens a cavalo, de bicicleta ou de mota, demonstram a sua perícia - e as Cegadas -- cantigas de escárnio e de maldizer por homens acompanhados à guitarra.

Em Elvas, o Grande Corso Internacional conta com a participação de carros alegóricos do concelho, de Olivença e de Badajoz.

Em Loulé, o corso, com 14 carros alegóricos e 700 figurantes, é inspirado no tema "Os descobrimentos - A grande geringonça", com os carros forrados a flores de papel de seda a passar em revista os principais momentos do último ano a nível nacional e internacional em forma de sátira.

Nos Açores, em Ponta Delgada, vai realizar-se a tradicional Batalha das Limas, na Avenida Infante Dom Henrique e em Angra do Heroísmo há Bailinhos e Danças de Carnaval às 17:00 no Teatro Angrense.

No Funchal, o Cortejo Trapalhão parte às 16:00 da Avenida Francisco Sá Carneiro até à Praça da Autonomia, mas antes há um 'atelier' de pinturas faciais para crianças, espetáculos de magia e um concerto-baile de Carnaval.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.