Ambiente

Cardigos defende criação de rede de áreas marinhas protegidas

Cardigos defende criação de rede de áreas marinhas protegidas

 

Lusa / AO online   Regional   28 de Mai de 2010, 18:44

O director regional do Ambiente, Frederico Cardigos, defendeu hoje a criação de uma "rede coerente" de áreas marinhas protegidas em águas nacionais, recordando que os Açores são "precursores" ao nível do país na protecção dos recursos marinhos.
"De nada serve a existência de áreas marinhas num local se houver áreas sobreexploradas noutro local", afirmou Frederico Cardigos, em declarações à Agência Lusa, salientando a necessidade de uma interligação para se conseguirem atingir os objectivos pretendidos.

Nesse sentido, frisou que os Açores são "precursores" a nível nacional em matéria de protecção dos recursos marinhos e da criação de áreas protegidas, mas defendeu a importância de uma acção concertada entre as várias áreas protegidas.

Frederico Cardigos foi hoje nomeado pelo Governo Regional dos Açores como representante da região na Comissão Interministerial para os Assuntos do Mar.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.