Sociedade

Campanha de esterilização de animais domésticos pode ajudar a resolver abandono

Campanha de esterilização de animais domésticos pode ajudar a resolver abandono

 

Lusa/AO online   Nacional   15 de Nov de 2010, 11:33

O agravamento da situação económica de muitas famílias portuguesas está a reflectir-se no aumento de animais abandonados, um “flagelo” que uma campanha nacional de esterilização de cães e gatos pode ajudar a resolver, segundo um dos autores de uma petição.
Margarida Garrido é uma das subscritoras de uma petição que conta já com mais de 200 assinaturas de figuras públicas “de todos os quadrantes da sociedade portuguesa” a reclamar uma campanha nacional de esterilização de cães e gatos.

A petição será entregue hoje ao ministro da Agricultura, do Desenvolvimento Rural e das Pescas, António Serrano, que deverá ouvir dos autores do documento as razões para esta reivindicação que visa substituir a actual política de abate indiscriminado de animais nos centros de recolha municipais por uma campanha de esterilização.

Margarida Garrido explicou à Lusa que, além de todas as razões humanitárias para defender esta campanha, no lugar do abate dos animais, existem factores económicos que justificam a esterilização em vez da morte dos cães e gatos recolhidos pelos serviços municipais.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.