Cadilhe apresenta lista para conselho de administração do BCP


 

Lusa   Economia   30 de Dez de 2007, 17:10

Miguel Cadilhe, ex-administrador do Millennium Bcp, confirmou hoje à Lusa que vai apresentar até ao final do dia uma lista para o Conselho de Administração Executivo (CAE) do banco, a levar à próxima assembleia geral

O prazo para apresentação de listas concorrentes aos órgãos sociais do banco foi prolongado para as 24 horas de hoje por decisão do Presidente da Mesa da Assembleia Geral do Banco, Germano Marques da Silva. 
O prolongamento resultou de uma reclamação de Miguel Cadilhe, justificada com a necessidade de haver de mais tempo para a eventual constituição de uma lista alternativa à encabeçada pelo ex-presidente da Caixa Geral de Depósitos, Santos Ferreira. 
À Lusa, Cadilhe escusou-se a adiantar pormenores em relação aos elementos da lista e aos apoios com que conta entre os accionistas.
"Confirmo que vou apresentar uma proposta ao Conselho de Administração Executivo", afirmou.
Antes da entrega da lista, a ser levada aos accionistas na Assembleia Geral de 15 de Janeiro, Miguel Cadilhe irá proceder a "algumas diligências institucionais", junto do banco. 
"Tenho o dever de falar primeiro com algumas pessoas [do Millennium Bcp] antes de considerar encerrado este processo", afirmou.
Esta lista irá concorrer com a liderada por Carlos Santos Ferreira, ex-presidente da Caixa Geral de Depósitos (CGD), que tem uma maioria de membros oriundos da própria instituição financeira.
Santos Ferreira leva consigo dois outros administradores da Caixa - Armando Vara e Vítor Fernandes - que também resignaram aos cargos que ocupavam no banco estatal.
Os restantes quatro elementos da lista para a nova administração do Banco Comercial Português (BCP) são oriundos da própria instituição: Paulo Macedo, quadro do BCP e ex-director-geral dos Impostos, José João Guilherme, director de inovação e promoção comercial do banco, Nelson Machado, director do banco, e Luís Pereira Coutinho.
O empresário Joe Berardo é candidato à presidência do Conselho de Remuneração e Previdência do do banco.
A lista do empresário madeirense, que se tem distinguido pela denúncia de eventuais irregularidades na condução do banco, tem como vogais Luís de Melo Champalimaud e Manuel Pinto Barbosa, e é subscrita por um conjunto de accionistas encabeçado pela Sonangol - Sociedade Nacional Combustíveis Angola, E.P.
Nas listas já conhecidas destacam-se ainda os nomes do presidente da EDP, António Mexia, como candidato à liderança do Conselho Geral e de Supervisão até ao termo do triénio 2006/2008, e ainda da advogada Paula Teixeira da Cruz (mulher do ex-presidente do BCP Paulo Teixeira Pinto), como vogal do mesmo Conselho.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.