Pescas

Burocracia a mais e pessoal a menos atrasa apoios às pescas

Burocracia a mais e pessoal a menos atrasa apoios às pescas

 

Rui Leite Melo   Regional   5 de Jan de 2010, 14:09

Ao contrário do prometido pelo Governo Regional junto da Federação Regional das Pescas, nem todas as ajudas ao abrigo do Fundo Pescas foram pagas até ao dia 31 de Dezembro de 2009.
Aliás, a maioria dos pescadores abrangidos por aquele sistema compensatório que visa cobrir os dias de mau tempo em que não podem exercer a actividade continua à espera do dinheiro.

Isto mesmo diz a Federação representativa dos pescadores, que lamenta a situação, ao mesmo tempo que aponta as razões para a mesma: excesso de burocracia e, acima de tudo, um alegado subdimensionamento dos serviços da Subsecretaria Regional das Pescas, nomeadamente ao nível de pessoal.



Leia esta notícia na íntegra no jornal Açoriano Oriental de Terça-Feira, Dia 05 de Janeiro de 2009

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.