Bruxelas quer saber o que fazem os licenciados

Bruxelas quer saber o que fazem os licenciados

 

Lusa/Açoriano Oriental   Economia   30 de Mai de 2017, 11:33

A Comissão Europeia apresentou uma proposta que visa o acompanhamento do percurso dos licenciados, ao mesmo tempo que propõe a modernização e o aumento de qualidade do ensino superior ou profissional na União Europeia.

Ao sugerir o acompanhamento do percurso dos licenciados, Bruxelas quer encorajar e apoiar os Estados-membros a melhorarem a qualidade e a acessibilidade da informação sobre o percurso dos estudantes que terminam o ensino superior ou profissional.

A recolha de informação sobre os empregos dos licenciados, o tempo que leva até encontrarem trabalho, as competências que utilizam e as de que necessitam são consideradas cruciais pelo executivo comunitário para ajudar os estudantes a escolherem um curso superior.

No que respeita aos ensinos básico e secundário, a Comissão Europeia quer apoiar os 28 a desenvolverem uma oferta escolar de alta qualidade e inclusiva.

Em relação ao ensino superior, Bruxelas foca-se na modernização, respeitando o princípio da subsidiariedade, cabendo as decisões às autoridades nacionais, mas pretende aumentar a cooperação e a troca de experiências e boas práticas entre Estados-membros.

Relativamente ao ensino não superior, Bruxelas quer desenvolver escolas melhores e mais inclusivas, nomeadamente apoiando o trabalho dos professores e a governança escolar.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.