Ano Judicial

"Boom" de cobrança de dívidas desabará nos tribunais


 

Lusa / AO online   Nacional   27 de Jan de 2010, 17:07

O presidente do Supremo Tribunal de Justiça (STJ) advertiu esta quarta-feira que o um novo "boom" de acções de cobrança de dívidas desabará nos tribunais com efeitos nas famílias e no tecido económico e com reflexos na criminalidade urbana.
Ao intervir na cerimónia de Abertura do Ano Judicial, Noronha do Nascimento referiu que, embora as sequelas sociais directas deste fenómeno venham a ser pouco notadas, "o mesmo não se dirá dos efeitos das insolvências em crescendo e da crescente criminalidade urbana que poderão arrastar consigo reflexos preocupantes no relacionamento com minorias imigradas no país".

"Se os acontecimentos recentes ocorridos em Itália, a par da animosidade surda existente em países situados mais a norte, forem as primeiras manifestações de fenómeno mais vasto poderemos estar no limiar de um retorno civilizacional perigoso", sustentou.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.