Bombeiros alertam para maior ocorrência de incêndios em casas abandonadas

Bombeiros alertam para maior ocorrência de incêndios em casas abandonadas

 

Lusa/AO online   Regional   7 de Out de 2014, 12:24

O comandante dos Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada alertou para uma maior ocorrência de incêndios em casas abandonadas, revelando que este ano a corporação já interveio em 38 fogos urbanos.

Emanuel Sousa adiantou que têm surgido "mais casos" de incêndios em casas abandonadas, pelo que os Bombeiros de Ponta Delgada têm, inclusive, "solicitado à câmara ou aos proprietários destas moradias" para "colocarem blocos nas paredes ou nas portas" para evitar a entrada de pessoas, nomeadamente, consumidores de droga que "usam" os locais e "acabam por deixar velas acesas ou utilizam isqueiros" que originam estes incêndios.

Entre janeiro e outubro deste ano, os Bombeiros Voluntários de Ponta Delgada, que abrangem também o concelho da Lagoa, em São Miguel, já registaram 38 incêndios urbanos e 33 rurais.

Nos 12 meses do ano passado, foram registados 55 incêndios urbanos e 39 rurais, enquanto que em 2012 os bombeiros acorreram a 50 incêndios urbanos e 13 rurais.

De acordo com o comandante da corporação, as causas dos fogos em habitações são várias, mas essencialmente "descuido, curto-circuitos, problemas em eletrodomésticos ou até em frigideiras".

Emanuel Sousa disse que praticamente "não há nenhum incêndio florestal", tendo em conta o índice de humidade e vegetação, pelo que os incêndios rurais são basicamente por "descuidos com queimadas".

Segundo dados disponibilizados à Lusa pelo Serviço Regional de Proteção Civil e Bombeiros dos Açores, registaram-se no arquipélago, em 2013, um total de 167 incêndios urbanos, na sua maioria em São Miguel, onde ocorreram 88 fogos em habitações, enquanto que no Corvo não houve registo de qualquer sinistro daquele tipo.

Na Terceira registaram-se em 2013 um total de 48 incêndios urbanos, dois em Santa Maria dois, um em São Jorge, nove no Pico, oito na Graciosa, nove no Faial nove e dois nas Flores.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.