Blockbuster vai fechar e deixa no desemprego mais cem trabalhadores


 

Lusa / AO online   Economia   9 de Fev de 2010, 10:00

A Blockbuster Portugal iniciou um processo de insolvência devido a quebras sucessivas na sua facturação, anunciou a Associação do Comércio Audiovisual de Portugal (ACAPOR), que responsabiliza a pirataria pelo declínio dos clubes de vídeo.
A Blockbuster teve "decréscimos sucessivos na sua facturação que atingiram os 60 por cento e, só no último ano, uns impressionantes 20 por cento", salienta a ACAPOR em comunicado.

Em causa, adianta a mesma associação, estão mais de cem postos de trabalho.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.