Alemanha

Bispo acusado de maltratar crianças apresenta demissão


 

Lusa / AO online   Internacional   22 de Abr de 2010, 12:33

O bispo alemão Walter Mixa apresentou a sua demissão na sequência de alegada violência contra crianças e má conduta financeira, informou hoje a diocese de Augsburg.
Segundo a diocese, o bispo enviou uma carta ao Papa Bento XVI na qual apresenta a sua demissão para permitir um "novo começo" à sua diocese.

Walter Mixa tem sido acusado de ter empregado violência física contra crianças e, embora tenha inicialmente negado as acusações, reconheceu na semana passada ter esbofeteado crianças do internato católico de Schrobenhausen, quando era padre e professor, entre 1975 e 1996.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.