Turismo

Birdwatching pode atrair milhares de novos turistas ao Algarve


 

Lusa / AO online   Economia   17 de Ago de 2010, 12:04

A prática de observação de aves, ou birdwatching, pode atrair milhares de novos turistas ao Algarve, já que este é um passatempo apreciado por milhões de ingleses, que compõem o principal mercado de turismo do sul do país.
Cegonhas, andorinhas ou garças são algumas das espécies que podem ser observadas no Algarve, em particular no Parque Natural da Ria Formosa, no Sapal de Castro Marim, na Lagoa dos Salgados ou até na Costa Vicentina.

Apesar de ainda "não ter grande expressão" entre os portugueses, o birdwatching é uma "motivação primária" de viagem "completamente incontornável" nos países anglo-saxónicos, já que, por exemplo, no Reino Unido, a maior associação de observação de aves junta 2,5 milhões de praticantes, segundo dados recolhidos pelo Turismo do Algarve.

"Tendo em conta a importância que o mercado britânico tem para o Algarve, e que há muitos milhões de praticantes de birdwatching nos países anglo-saxónicos, tenhamos nós as condições de observação no destino e certamente começarão a aparecer milhares de novos turistas com esta motivação primária de viagem", disse à agência Lusa o vice-presidente do Turismo do Algarve, António Pires.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.