Política

Berta Cabral lamenta cortes das verbas para os municípios

Berta Cabral lamenta cortes das verbas para os municípios

 

Lusa/AO online   Regional   29 de Nov de 2010, 14:20

A presidente da Câmara de Ponta Delgada, Berta Cabral, lamentou esta segunda-feira os cortes registados nas verbas destinadas aos municípios no OE211, recordando que são estas autarquias que “democratizam os investimentos”, fazendo-os chegar a todas as partes dos concelhos.
“Temos um quadro financeiro predefinido na Lei de Finanças Locais e tudo o que altere esse quadro tem consequências negativas nos municípios e nas populações”, afirmou Berta Cabral, recordando que “o dinheiro que chega às autarquias é transposto para a economia local por várias maneiras”.

Nesse sentido, salientou que “quando chega menos dinheiro, é necessário cortar em alguma coisa”, frisando que “é no investimento que se pode ter alguma margem de manobra”, ao contrário do que sucede nas despesas correntes ou com o pessoal, que não são susceptíveis se serem cortadas.

Devido a essas dificuldades, Berta Cabral salientou que a Câmara de Ponta Delgada tem dado “prioridade a investimentos co-financiados”, revelando a o município apresenta uma taxa de execução do programa ProConvergência “superior a 50 por cento”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.