Banca

BCP processa Jardim Gonçalves para lhe reduzir a reforma


 

Lusa/AO online   Economia   27 de Out de 2010, 18:24

O Millennium BCP revelou esta quarta-feira que, durante este mês, chegou a acordo com os ex-administradores no sentido de reduzir as suas pensões de reforma, com a excepção de Jardim Gonçalves, contra quem o banco avançou com uma acção judicial.
"Em Outubro de 2010, tendo em vista a adequação, na óptica do BCP, das pensões de reforma de ex-administradores (...) o banco chegou a acordo com os mesmos, com uma excepção", lê-se no comunicado de apresentação de resultados do banco.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.