Ambiente

Ban Ki-moon anuncia iniciativa para a defesa dos oceanos

Ban Ki-moon anuncia iniciativa para a defesa dos oceanos

 

Lusa/AO online   Internacional   12 de Ago de 2012, 15:15

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, anunciou hoje, em Yeosu, Coreia do Sul, o lançamento de uma iniciativa para a proteção dos oceanos.

Designada "Compacto Oceanos", a iniciativa tem por objetivo a preservação das espécies ameaçadas pela pesca, bem como o combate à poluição e à subida do nível das águas do mar. O projeto pressupõe igualmente o aumento de eficiência da coordenação dos esforços empreendidos, no seio da ONU, para a salvaguarda dos oceanos, que se encontram em "estado precário", como sublinhou Ban Ki-moon. "Os nossos oceanos estão a aquecer e a expandir-se", disse o secretário-geral da ONU, na conferência que marca o 30.º aniversário da assinatura da Convenção das Nações Unidas sobre o Direito do Mar. "Arriscamos mudanças irrevogáveis em processos que ainda não percebemos integralmente, como se verifica com as alterações do clima", prosseguiu Ban Ki-moon, alertando igualmente para o aumento da acidez das águas dos mares, que "destrói a base de vida nos oceanos e ameaça redesenhar o mapa mundial, pondo em risco centenas de milhões de pessoas, entre os mais vulneráveis do planeta". Uma comissão de alto nível vai ser constituída para elaborar o plano de acção do "Compacto Oceanos", reunindo políticos, cientistas e oceanógrafos, representantes do setor privado e da sociedade civil, assim como membros de organizações das Nações Unidas. Até 2025, os países devem fixar metas para reduzir emissões poluentes e pelo menos dez por cento das áreas marinhas e costeiras devem ser sujeitas processos de preservação. "Compacto Oceanos" prevê igualmente o reforço da luta contra a pesca ilegal, a reposição de populações marinhas e a erradicação de espécies invasoras.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.