Baía do Funchal é palco para espetáculo piromusical de empresa italiana

Baía do Funchal é palco para espetáculo piromusical de empresa italiana

 

Lusa / AO online   Nacional   11 de Jun de 2016, 10:47

A baía do Funchal é palco hoje de um segundo espetáculo piromusical, a cargo de uma empresa italiana, integrado no concurso internacional do Festival Atlântico da Madeira, que contribui para uma ocupação hoteleira de 86 por cento na Madeira.

 

Estes espetáculos que conjugam música com o fogo-de-artifício acontecem a cada sábado de junho e tornaram-se num cartaz turístico e de animação que faz convergir alguns milhares de pessoas para a marginal da cidade e para a Praça do Povo, construída com os detritos das cheias de 20 de fevereiro de 2010 .

Organizado pela Secretaria Regional da Economia, Turismo e Cultura da Madeira, representa este ano um investimento na ordem dos 200 mil euros e teve influência nos números da ocupação hoteleira global, "que se situa nos 86 por cento, mais 10% do que a taxa que foi conseguida em 2015", segundo aquele departamento do governo madeirense.

Depois do espetáculo de sábado passado, protagonizado por uma empresa da Ucrânia, hoje será a italiana Lieto Fireworks a mostrar o seu "The Painted Veil".

O fogo-de-artifício será disparado durante 20 minutos, do molhe da Pontinha (porto do Funchal), ao som de músicas de Andrea Bocelli, Luciano Pavarotti, Enya e Volo, entre outras.

Na próxima semana será a vez de uma empresa da China mostrar o projeto "Impression of Jiangnan", terminando o festival com a prestação de Portugal, através da HC Filhos, que exibirá um espetáculo intitulado "Brilhos".


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.