Azores Airlines Rallyes vai contar em 2017 com cerca de 220 marshalls

Azores Airlines Rallyes vai contar em 2017 com cerca de 220 marshalls

 

Arthur Melo   Motores   24 de Mar de 2017, 15:12

O Azores Airlines Rallye, prova de abertura do Campeonato da Europa de Ralis da FIA (FIA ERCna sigla inglesa), vai contar na sua edição de 2017 com um total de 220 marshalls nos três dias da competição que vai decorrer de 30 de março a 1 de abril.

Destes cerca de 220, um total de 180 vão estar distribuídos pelos nove troços que compõem o figurino da 52.ª edição da prova organizada pelo Grupo Desportivo Comercial (os restantes vão estar no parque de assistência, corredores criados pela organização ao longo do Complexo das Portas do Mar e parque fechado), zelando pelo bem-estar e segurança dos espectadores mas, também, dos concorrentes.

Tarefa muitas vezes ingrata, cabe ao marshalls o papel de colocar corretamente o público nas zonas onde ocorre uma maior fluxo de pessoas, procurando com isso zelar pela sua segurança e para que a prova decorra normalmente.

Os acidentes nos desportos motorizados são uma hipótese eminente e podem acontecer quando menos se espera.

Isso mesmo ficou demonstrado ao longo das três reuniões preparatórias que a direção de prova manteve, nos últimos dias, com aqueles que na estrada vão estar identificados com os populares coletes laranja.

Vários vídeos de diversos acidentes em provas de rali, bem como algumas fotos de situações que constituem risco eminente para público e pilotos foram exibidos no sentido de melhorar preparar aqueles que durante os dias da prova vão lidar, por vezes, com multidões.

Conselhos e dicas de como proceder em situações de crise e de acidente foram passados pelo diretor de prova do rali, António Andrade, durante as três reuniões que duraram cada, sensivelmente, duas horas.

Ao mesmo tempo foram transmitidas noções básicas de primeiros socorros pelo enfermeiro chefe da prova, Joel Varanda, conceitos que assentam na estabilização das vítimas até que os meios de socorro apropriados cheguem ao local do acidente.

Estas reuniões são realizadas, anualmente, pela equipa liderada por António Andrade, tendo como lema principal o slogan “Perto da emoção - Longe do perigo”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.