Birmânia

Aung San Suu Kyi não vai votar a 7 de Novembro

Aung San Suu Kyi não vai votar a 7 de Novembro

 

Lusa/AO online   Internacional   12 de Out de 2010, 18:30

A dissidente birmanesa Aung San Suu Kyi, em prisão domiciliária e cujo partido boicotou as legislativas marcadas para 07 de Novembro, decidiu que não vai votar nas eleições, indicou hoje à agência AFP o seu advogado e porta-voz.
A Prémio Nobel da Paz foi informada em Setembro que seria autorizada a votar. Mas “ela pediu-nos para escrever uma carta a informar [a polícia] de que não votará”, disse o advogado e porta-voz de Suu Kyi, Nyan Win.

A Liga Nacional para a Democracia (LND, partido que a célebre dissidente dirigia) “não participa, logo ela não tem em quem votar”, adiantou.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.