Atribuição de Lifetime Grammy a Carlos do Carmos é justíssima


 

Lusa/AO online   Cultura e Social   1 de Jul de 2014, 12:13

A diretora do Museu do Fado, Sara Pereira, considerou hoje justíssima a atribuição de um "Lifetime Achivement Grammy" ao fadista Carlos do Carmo e sublinhou tratar-se de uma distinção inédita no panorama nacional.

 

“É um prémio que consagra os artistas nas grandes referências da música universal e que é justamente atribuído ao Carlos do Carmo”, declarou à agência Lusa a responsável pelo museu.

Sara Pereira sublinhou que o percurso artístico de Carlos do Carmo pode ser visto na Cordoaria Nacional, através da exposição dedicada aos 50 anos de carreira do “homem da cidade”.

Sara Pereira frisou que Carlos do Carmo tem uma carreira de grande longevidade artística e criativa.

O "Lifetime Achivement Grammy" será entregue no dia 19 de novembro no MGM Grand Garden Arena em Las Vegas, no estado norte-americano do Nevada e distingue as carreiras que constituíram contribuições criativas de excecional importância artística.

Em comunicado, a academia norte-americana considera Carlos do Carmo "um dos maiores fadistas do seu tempo", referindo que é filho da "lendária fadista Lucília do Carmo, que teve um papel importante na sua carreira, que se prolonga há mais de 50 anos".

A academia aponta Carlos do Carmo como uma das "mais emblemáticas vozes da música portuguesa".



Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.