Assembleia-geral do Montepio elege hoje Félix Morgado como presidente do banco


 

Lusa/AO Online   Economia   5 de Ago de 2015, 08:16

O banco mutualista Montepio elege hoje, em assembleia-geral extraordinária, os novos membros da administração, que será liderada por José Félix Morgado.

A reunião magna - que será restrita a cerca de vinte pessoas, uma vez que a assembleia-geral da Caixa Económica Montepio Geral é constituída apenas pelos órgãos sociais da associação mutualista, seu acionista - irá eleger os membros da Mesa da assembleia-geral, conselho geral e de supervisão, conselho de administração executivo, comité de remunerações, comité de avaliações e comité de riscos até 2018.

O destaque vai para a eleição de José Manuel Félix Morgado, que será o novo presidente executivo do banco mutualista, que irá substituir Tomás Correia, que deixa de presidir aos Conselhos de Administração de ambas as entidades e fica exclusivamente na liderança da associação mutualista.

Estas alterações resultam da mudança nos estatutos aprovada em assembleia-geral a 26 de maio, que separa os órgãos de administração do banco Montepio e da associação mutualista.

O Montepio tem sido motivo de notícia nos últimos meses devido a alterações nos seus estatutos, até por imposição da nova legislação que aperta as regras das caixas económicas, e de polémicas relacionadas com a atuação do banco e da relação com o seu principal acionista, a Associação Mutualista.

Isto tem tido impacto também na liquidez do banco, com saídas de depósitos, e criado um clima de conflito interno, com alguns associados a contestarem a gestão de Tomás Correia, caso do movimento Salvem o Pelicano.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.