Arábia Saudita quer fim dos serviços da BlackBerry

Arábia Saudita quer fim dos serviços da BlackBerry

 

Lusa/AO Online   Economia   4 de Ago de 2010, 06:16

A Arábia Saudita ordenou aos operadores de telemóveis para pararem os serviços da BlackBerry esta semana, aumentando a tensão entre o fabricante Research in Motion (RIM) e o governo, que quer maior acesso à informação enviada pelo aparelho.

A agência noticiosa estatal SPA divulgou na terça feira que o regulador saudita das telecomunicações informou os fornecedores de serviços móveis no país que deveriam interromper os serviços da BlackBerry a partir de sexta feira.

O regulador, conhecido como a Comissão das Comunicações e das Tecnologias de Informação, não esteve contactável para detalhar a proibição ou explicar como será aplicada.

A notícia da SPA adianta que o regulador explica a medida por os serviços da BlackBerry “não cumprirem as imposições regulatórias, no seu estado atual”.

A notícia do fim dos serviços da Blackberry na Arábia Saudita é conhecida depois de os vizinhos Emiratos Árabes Unidos (EAU) terem anunciado que pretendem encerrar os serviços de correio eletrónico, mensagens curtas (sms) e acesso à internet nos BlackBerry, a partir de outubro.

A Índia também está em conversações com o fabricante canadiano RIM sobre a distribuição da informação através destes aparelhos.

À semelhança dos EAU, a Índia também citou preocupações de segurança ao pretender maior acesso à informação encriptada enviada pelos telefones, que é redistribuída pelos computadores da RIM.

A Arábia Saudita não mencionou preocupações de segurança.

Tal como nos EAU, os telemóveis BlackBerry são populares entre homens de negócios e jovens.

Um porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros dos Estados Unidos já considerou a intenção dos Emirados Árabes Unidos como “um passo na direção errada”.

“Não é por ser uma empresa canadiana. É sobre o que pensamos que é um elemento importante da democracia, os direitos humanos, a liberdade de


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.