Assembleia Legislativa dos Açores

Aprovado novo Estatuto do Aluno

Aprovado novo Estatuto do Aluno

 

Lusa/AO online   Regional   20 de Out de 2011, 19:02

O governo dos Açores pode retirar o apoio da acção social escolar aos alunos do ensino básico e secundário, casos os pais não assumam responsabilidades na educação, admite o Estatuto do Aluno hoje aprovado por maioria no parlamento regional.
O novo Estatuto do Aluno do Ensino Básico e Secundário, aprovado com os votos favoráveis do PS, PSD e CDS/PP e contra do BE, PCP e PPM, introduz também a aplicação de coimas aos encarregados de educação que negligenciem as tarefas educativas.

Na apresentação do diploma, Cláudia Cardoso, secretária regional da Educação, salientou que “esta foi uma das formas encontradas para chamar à colação os pais para a educação dos seus filhos”, recordando que a tarefa de educar “não compete apenas à escola”.

O novo diploma, além de cortes nos apoios da acção social escolar (manuais, refeições e transportes), introduz também um regime de contra-ordenações que permite a aplicação de coimas como forma de sancionar comportamentos inadequados dos alunos, em áreas como a assiduidade e a pontualidade.

O Estatuto do Aluno reforça, por outro lado, a autoridade dos docentes e dos órgãos da escola, definindo a “presunção da verdade da palavra do professor”, que, em caso de dúvida, prevalecerá sobre a palavra do aluno.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.