Turismo

APAVT contesta "concorrência desleal" no turismo

APAVT contesta "concorrência desleal" no turismo

 

Paulo Faustino   Regional   27 de Nov de 2010, 21:58

O presidente da Associação Portuguesa de Agências de Viagem e Turismo (APAVT) está contra as "experiências" de vendas directas de pacotes turísticos, à margem dos operadores especializados na comercialização deste tipo de produtos

João Passos falava no primeiro dia do XXXVI Congresso Nacional da APAVT, que este ano se realiza na Madeira, num gesto que pretendeu ser simbólico e solidário em relação à tragédia que se abateu sobre a ilha em Fevereiro passado.

 

Segundo frisou, as agências de viagens estão contra as experiências de "vendas directas ao sabor dos caprichos do momento", porque isso significa "concorrência desleal" num sector que, por causa da crise, também fica vulnerável às oscilações dos fluxos turísticos, a partir dos mercados emissores.

 

João Passos não especificou os agentes em incumprimento. Deixou claro, sobretudo, que centrar a promoção e comercialização de um destino em função do preço, acaba por "desqualificar" esse mesmo destino.

 

Leia esta notícia na íntegra na edição de 28 de Novembro do Jornal Açoriano Oriental


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.