António Mendonça garante liberalização dos correios


 

Lusa/AO online   Economia   22 de Dez de 2010, 17:25

O ministro das Obras Públicas, Transportes e Comunicações, António Mendonça, garantiu esta quarta-feira que a liberalização dos correios vai entrar em vigor a 1 de Janeiro “em perfeita sintonia com o que são as directivas europeias”.
Em declarações aos jornalistas, António Mendonça afirmou que “o processo [de liberalização do sector postal] está a seguir o seu caminho normal, em perfeita sintonia com o que são as directivas europeias”.

Na inauguração do Centro de Operações de Correio do Norte dos CTT, na Maia, o ministro das Comunicações considerou que “a empresa está preparar para enfrentar todos os desafios que a liberalização vem colocar”, realçando que o novo edifício, um investimento de 12 milhões de euros, “é uma expressão de que os CTT estão preparados para enfrentar os desafios da liberalização sem qualquer problema”.

António Mendonça sublinhou que o Centro de Operações do Norte, que serve 105 centros de distribuição postal e trata 1,5 milhões de objectos postais por dia, “pode ser considerado um dos melhores a nível europeu”, acrescentando que “a empresa pública tem feito um trabalho notável e com resultados excelentes”.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.