António Costa defende que consolidação orçamental é questão "instrumental"

António Costa defende que consolidação orçamental é questão "instrumental"

 

Lusa/AO online   Nacional   23 de Jul de 2014, 10:30

O dirigente socialista António Costa defendeu que a consolidação orçamental é uma questão "instrumental" e de médio prazo do país, contrapondo que os problemas cruciais residem na falta de competitividade desde o início do século.

 

António Costa, candidato socialista nas eleições primárias socialistas de 28 de setembro, falava em conferência de imprensa na sede nacional do PS, na qual apresentou a sua proposta de "Agenda para a década" para Portugal.


Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.