Banca

Angolanos já controlam quase 10% do BPI


 

Lusa/AO online   Economia   21 de Dez de 2010, 16:27

A Santoro Finance, empresa angolana controlada por Isabel dos Santos, adquiriu no decorrer da semana passada mais 544,2 mil acções do Banco BPI, passando a controlar 9,99 por cento do capital do banco liderado por Fernando Ulrich.
O reforço implicou um investimento superior a 800 mil euros, tendo os títulos sido adquiridos em bolsa entre os dias 14 e 17 de Dezembro a um preço unitário médio de 1,48 euros, conforme é possível apurar segundo os dados que constam no comunicado hoje divulgado na Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM).

Com esta operação, a Santoro Finance passou a deter quase 90 milhões de acções do BPI, consolidando a sua posição enquanto terceiro maior accionista do banco português, atrás do Criteria ('holding' do banco catalão La Caixa), que detém 29,4 por cento do BPI, e do grupo financeiro brasileiro Itaú, que possui uma participação de 18,9 por cento.

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
 
Termos e Condições de Uso.