Alemanha rejeita cobrança de impostos a nível europeu


 

Lusa / AO online   Economia   9 de Ago de 2010, 11:44

O governo alemão rejeitou esta segunda-feira os planos da Comissão Europeia para introduzir impostos próprios a nível comunitário, lembrando que o acordo de coligação entre democratas cristãos e liberais põe de parte esta hipótese.
O executivo de Angela Merkel reagia assim a declarações do comissário europeu do orçamernto, Janusz Lewandowski, publicadas hoje no matutino Financial Times Deutschland, a defender uma tributação a nível europeu.

Lewandowski anunciou na entrevista que, em Setembro, a Comissão Europeia vai propor aos Estados-membros a cobrança de impostos directos

Açormédia, S.A. | Todos os direitos reservados

Este site utiliza cookies: ao navegar no site está a consentir a sua utilização.
Consulte os termos e condições de utilização e a política de privacidade do site do Açoriano Oriental.